segunda-feira, julho 02, 2007

Alentejo - «Moura»

Amigos(as),
vou fazer uma pausa nos eventos, nas nomeações, prémios que todos os dias são atribuídos aqui neste Mundo da Blogoesfera e, retorno ao Alentejo. A minha visita também incluiu a cidade de Moura.
Aqui chegada, mesmo no centro, deparo-me com esta bela fonte, muito antiga, perto da ladeira que sobe para o Castelo. Mas, era uma 2ª feira e, por hábito, o Castelo está fechado 2ª feira todo o dia e 3ª feira de manhã. Não tive oportunidade de visitar o Castelo de Moura.
Estaciono o carro e fui andando, mesmo em frente à fonte está uma mercearia, onde fui comprar uma garrafa de água, e deparei-me com uma residente da terra, tão simpática, mas tão carente de atenção, necessitada de ter com quem conversar; já viúva há alguns anos, falou-me do falecido com uma lágrima rolando pela face, e ali ficou aguentando o barco, ao balcão da mercearia. Contou-me histórias da sua vida, dos planos que o falecido tinha para a pequena lojinha, mas...não se concretizaram, e ela diz que agora já não ambiciona nada. Falou-me dos problemas da filha e da sua unica neta, numa conversa tão doce e, parecia que já nos conhecíamos há muito tempo. Ali fiquei imenso tempo, deliciada com a agradável companhia que descobri; perguntei-lhe o que havia de visitar, ela tentou dar-me os seus conselhos; depois dizia-me: Querida, quer comprar um «panito»? e, eu pensava: Mas que panito? e, depois descobri que ela me queria vender pão alentejano...Arranjei ali uma avozinha para mim.


Estas mini-férias foram muito ricas a nível humano, gente tão prestável encontrei, sem maldade, para quem vive na grande cidade, é uma diferença enorme no trato com as pessoas da terra.
Anoiteceu e tinha que pernoitar em algum lugar, lá fui procurar e acabei por ficar no unico Hotel da cidade: Hotel de Moura.
Um edifício muito antigo e maravilhoso.
esta é a vista que temos ao subir a fabulosa escadaria a caminho dos quartos no 1º andar.
No dia seguinte, logo pela manhã, fui descobrir os recantos do Hotel.


Nesta varanda debruçada sobre o pátio, com grandes cadeirões em verga, a atmosfera é relaxante e acolhedora; à noite, na penumbra das sombras daquela construção antiga, um edifício histórico, a atmosfera é recriada de forma intimista pela luz de inúmeras velas que existem nos candelabros dos corredores.
Numa das salas comuns aos hóspedes há confortáveis sofás cobertos por grandes almofadões brancos, vermelhos e amarelos, onde apetece adormecer agarrada a um livro, talvez o «Sul» de Miguel de Sousa Tavares , rodeada de objectos da Índia, Marrocos ou Filipinas e das telas de pintores afamados, preservando o gosto pela terra e hospitalidade... apetece ficar aqui para sempre.


este é o pátio, onde está inscrito «Hotel de Moura» e, tem influências mouriscas em toda a sua concepção. Tão agradável a vista bem como o tempo lá passado.
NOTA:
esta semana vou estar «ausente» peço-vos desculpa de não poder visitar e comentar os vossos blogues como eu gostaria, mas...depois compenso-vos com a minha visita, talvez no fim de semana.

Etiquetas:

36 Comments:

At 2/7/07 06:42, Blogger Angel said...

pois é prima, fico feliz por continuares nas tuas visitas ao nosso País. que saudades que sinto dai. ´triste como é que o Alentejo ficou só com idosos. Tadinhos deles, ve se que sofrem de solidão. Um beijinho grande para ti.

 
At 2/7/07 10:16, Blogger ShinningMoon said...

Bom dia!
Cá venho "cuscar" por andaste desta vez.
Não conheço Moura (fisicamente), porque, agora já fiquei a conhecer um bocadinho...
Espero ansiosa por novas visitas ao Norte. Assim já posso comentar com conhecimento.
Boa semana.
Bjitos.

 
At 2/7/07 13:46, Blogger augustoM said...

Já pensaste em fazer um roteiro tipo Viagens na minha terra? Com o que tens escrito no blog e mais uns poses, é capaz de ser uma ideia engraçada.
Um beijo. Augusto

 
At 2/7/07 15:34, Blogger John Lemmos said...

Pouco ou nada conheço do Alentejo...mas com posts como este ajuda-me a conhecer este Portugal.

Boa semana

**beijo**

 
At 2/7/07 15:57, Anonymous margpat said...

Pois eu conheço Moura, e já pernoitei, é assim que se dizia antigamente por essas terras, por duas vezes nesse Hotel, e também achei lindo, não luxuoso mas, vê-se que por ali passaram meus antepassados (mouros)pois eu sou de Beja.tem até um grande tanque ao fim do jardim por capinhar, pois não há verba suficiente para tudo, o que é pena mais um Monumento nosso não se conservar, beijos Guida

 
At 2/7/07 16:37, Blogger rouxinol de Bernardim said...

Bonita dedicação e divulgação da terra. gostei de ler e se puder aí estarei no verão.

 
At 2/7/07 17:42, Blogger Storm said...

só de ler apetece-me fazer as malas e ir a correr para esse hotel... só falta mesmo uma boa companhia;)

 
At 2/7/07 17:44, Blogger peciscas said...

Coisa deliciosa esse hotel!

 
At 2/7/07 18:20, Blogger Isabel-F. said...

Simplesmente belo Kalinka.
Adorei o passeio que me proporcionaste.

Beijinhos e até ao teu regresso

 
At 3/7/07 00:33, Blogger AnaG. said...

Conseguiste mostrar muitas coisas belas existentes por esse Alentejo, tão desconhecido para mim.
Obrigada pela viagem que me proporcionaste.

Boa semana.
Beijinho

 
At 3/7/07 00:55, Blogger Papoila said...

Bonita viagem ... tu és um autentico "Vá para fora cá dentro"...

Beijocas
BF

 
At 3/7/07 13:01, Blogger cm said...

...ha sempre um convite ao olhar a ficar hospedado nas tuas descobertas..partilhadas...um abraço

 
At 3/7/07 14:46, Blogger Lusófona said...

Kalinka!!

É maravilhoso conhecer todos esses lugares e suas histórias! Muito obrigada pela partilha.

Um grande beijo

 
At 3/7/07 18:47, Anonymous pequenita said...

..Não te importes amor se hoje te amo tanto. Amanhã tens mais uma sílaba e é com ela que te conjugo entre os lençóis...

;-)
Boa semana
Kisses Pequenita

Quando o Teu Corpo e o Meu...
www.pequenita.blogs.sapo.pt

 
At 3/7/07 20:09, Anonymous Mel de Carvalho said...

Obrigada pelo passeio e pela música.
O passeio foi revisitar ... tenho família no Alentejo...

Resto de semana muito agradável.

Um beijo da Mel

 
At 4/7/07 15:31, Blogger rosa dourada/ondina azul said...

O teu passeio, as visitas, até as tuas conversas com as "gentes" locais.


Muito bonito,

Deixo-te um Beijo,

 
At 4/7/07 20:39, Blogger Mocho Falante said...

ummmmmm sabe tão bem chegar aqui e ter um relato de viagem....e as fotos? Magnificas como sempre

beijocas

Ps: Fiquei cá com uma saudade do Alentejo que nem te conto

 
At 4/7/07 21:36, Blogger Maria Valadas said...

Olá Kalinka,

Fiquei agradavelmente surpreendida com a visita a Moura! Ainda é a que fizeste em Maio?
Disseste que me avisavas quando lá fosses outra vez!

Para a semana ( fim de semana, 16,17 de Julho) são as festas em honra da padroreira da cidade, Nº Senhora do Carmo.

Moura, é uma cidade do interior,( Baixo Alentejo) com uma média de 10 000 habitantes!

O que a Kalinka mostrou nas suas fotos...é uma amostra do que aquela cidade mourisca representa!

Continuação de boa viagem.. e diverte- te Kalinka!

Para a semana.. serei eu ( se Deus quiser) a passar por essa fonte!

Beijinhos da

Maria

 
At 5/7/07 19:52, Blogger looking4good said...

Querida amiga, esta partilha/ das suas viagens /traduzidas em palavras e imagens/ por este Portugal tão rico, tão desigual/ (para o bem e para o mal)e tão desconhecido afinal)/ é uma pequena maravilha/ é ternura que em mim fervilha...

Obrigado

 
At 5/7/07 21:53, Blogger poeta_silente said...

Que belo passeio eu fiz, através do teu post!!!!!!!
Grata pela visita.
beijos
Miriam

 
At 5/7/07 22:12, Blogger legivel said...

... Moura é uma cidade alentejana muito, muito agradável. E os seus habitantes, simpatiquíssimos, como escreves.

beijos, sorrisos e óptimo fim de semana!

 
At 5/7/07 22:37, Blogger augustoM said...

Então boa viagem.
Um beijo. Augusto

 
At 6/7/07 11:08, Blogger Isabel-F. said...

bom fim de semana para ti

bjs

 
At 6/7/07 11:29, Blogger 3contigo said...

Ola!!
Pois é....atravéz deste mundo " BLOGOSFÉRICO",entre tanta coisa desinteressante,lá dou graças a deus por encontrar algo de valor: ALENTEJO!!!
Pois é,eu nasci,fui criado e aqui continuo com MUITO GOSTO,pois o que seria desta terra maravilhosa se não fosse-mos nós,jovens?
Gostei de saber que gostas muito de viajar, eque numa dessas tuas viajens viste até à mais profunda das planicies.
Sou de Ferreira do Alentejo,e espero que numa dessas tuas aventuras,"te faças à estrada",e ao calor,e venhas conhecer. É uma terra linda tb,alias,como todas elas por este LINDO ALENTEJO:
Bem haja e Muitas descobertas.
Beijos

 
At 6/7/07 12:26, Blogger Fallen Angel said...

ai a boa vida... :-)

 
At 6/7/07 19:23, Blogger o alquimista said...

Será que o fogo que me assalto o peito, é deslumbramento, gerado de dor consentida ou apenas um vestido de rubra lava, tecido nas profundezas, liberto no meio da ilha?! Agitam-se as águas do tempo, aprisionado mar numa gota de sal azul, oceano de mil contradições, espesso aroma de brisa do sul.


Bom fim de semana


Doce beijo

 
At 6/7/07 19:39, Blogger Maria Valadas said...

Passei para desejar- te um feliz semana!

E se fores viajar... Não esueças de fotografar as maravilhas que encontrares, para me deslumbrares!

Beijinhos da

Maria

 
At 7/7/07 15:35, Blogger Era uma vez um Girassol said...

Mulher viajada, relatando essas experiências de uma forma cativante, que nos faz ter vontade de ir a correr conhecer os lugares por onde passas.
Então...até lá!
Bjs

 
At 7/7/07 20:59, Blogger Marlene Maravilha said...

Ai ai ai, tenho saudades demais de Portugal! Que Deus te abençoe e te dê graça! Lindo post, sem comentários maiores, só parabéns!
beijos

 
At 8/7/07 01:57, Anonymous chaparrito said...

É sempre bom ouvir relatos dos que viajam pelo imenso Alentejo, ficamos quase sempre com vontade de também lá ir passear. Fiquei a conhecer Moura um pouco melhor. De Moura já tinha ouvido falar da finura do seu azeite, a propósito diz-se ser "fino como o azeite de Moura", o que atesta a sua reconhecida qualidade, da água(do Castello) também já tinha ouvido falar, e do pão, escusado será dizer que o Alentejo é terra de pão e de paz. Também ouvi dizer que Moura é uma localidade ribeirinha das terras do grande lago. Deve dar para tirar grandes fotos.
Bjs

 
At 8/7/07 02:08, Blogger Alexandre said...

Lá vai Serpa, lá vai Moura, e as Pias ficam no meio, se fores ao Alentejo, vai, não tenhas arreceio...

Há um restaurante em Moura muito bom. Pelo menos um, não me lembro o nome! E Moura fica logo ali a seguir ao Alqueva. Conheço muito bem!

Beijinhos!!!

 
At 8/7/07 04:41, Blogger Poemas e Cotidiano said...

Minha querida amiga!
Estava com uma saudade muito grande de seus posts! Obrigada por ter-me visitado, pois vim aqui...esta vendo?
Que linda a descricao da sua viagem. Momentos intensos, onde voce encontrou uma avozinha, sentiu o SER HUMANO, a fez feliz, e "se fez feliz". Assim eh a vida, nao eh minha amiga?
E que fotos MARAVILHOSAS!!!!!!! Da vontade de pegar o primeiro aviao e dar uma "esticadinha" ate esse lugar... Que cores lindas! Que lindo Hotel!
Fiquei admirada com tanta beleza!
Um beijo carinhoso
MARY

 
At 8/7/07 13:55, Blogger Gi said...

Obrigada por este passeio virtual. Por este roteiro das pequenas maravilhas que se vão encontrando neste país que é nosso. Neste Alentejo magnífico táo bem escrito por Miguel Torga no Livro Portugal que adquiri faz dias.

Um beijinho e bom Domingoo

 
At 8/7/07 19:10, Blogger antónio paiva said...

...........

O Alentejo, é delicioso!

............................

 
At 9/7/07 00:02, Anonymous off topic said...

O alquimista é o máximo,...,alquimia à pressão,...,levam todos com o mesmo carimbo.

Amarga alquimia é o que é,...,e para os mais curiosos ficarem mais por dentro do que estou a dizer, façam uma visita ao blog da missixty.

Tchau pessoal

 
At 18/7/07 03:04, Blogger Alien David Sousa said...

Adoro o Alentejo, também estou a precisar de uma aventura dessas ;)
kisses

 

Enviar um comentário

<< Home